Em apenas dez dias de estreia, o Big Brother Brasil 2019 já é motivo de muita polêmica. Um dos participantes do reality, Vanderson do Acre, foi expulso e desclassificado do programa.

A notícia foi dada pelo apresentador Tiago Leifert, e Vanderson foi chamado no confessionário com a câmera desligada, para ser notificado da expulsão. Os demais participantes ficaram surpresos com a expulsão do brother.

Acusações de abusos

Vanderson foi intimado a prestar depoimento na Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam), em Jacarepaguá, no Rio de Janeiro. As acusações são de importunação sexual, estupro e violência doméstica.

A Polícia Civil do Acre, Estado Natal do ex-participante, encaminhou um pedido de acusação junto ao Deam, e à Secretaria de Estado da Polícia Civil. Sendo assim, os representantes foram ao Projac, a fim de executarem a ordem de acusação contra Vanderson.

A delegada Juliana de Angelis Carvalho, responsável pela Deam do Acre, disse que foram três boletins de ocorrência registrados contra o ex-bbb, na acusação de lesão corporal, estupro e importunação ofensiva ao pudor.

Sobre a acusação de estupro, a delegada afirmou que a princípio, o caso estava sendo entendido como consensual, porém, nos detalhes relatados pela vítima, há fortes indícios de que ocorreram ações não-consensuais.

O advogado de defesa de Vanderson, Roberto Almeida, informou que o ex-participante já está ciente de todas as acusações, e alegou não terem fundamento.

Ainda segundo o advogado, os boletins de ocorrência são referentes a dois e oito anos atrás, por isso, as acusações teriam vindo à tona, somente para ganharem atenção da mídia.

Demora da TV Globo em decidir sobre a situação de Vanderson

Muitas pessoas questionaram a demora da TV Globo, em decidir sobre a continuação de Vanderson no programa, diante das acusações contra o participante.

Ao que tudo indica, a produção da TV Globo e do reality, esperava que Vanderson fosse eliminado do programa, no primeiro superparedão do entretenimento.

Mas, ao contrário do que todos pensavam, Vinicius foi o primeiro eliminado do programa, não deixando outra opção aos produtores do reality, senão desclassificar Vanderson do BBB 19.

Relembre os participantes expulsos do BBB em outras edições

No BBB 2016, a participante Ana Paula também foi expulsa por agredir o brother Renan, com dois tapas no rosto durante uma festa na casa. No dia seguinte, a sister foi desclassificada.

No BBB 2017, o brother Marcos Harter foi expulso do programa, depois de agredir Emily, vencedora do reality e com quem teve um relacionamento amoroso.

Na participação que Marcos fez no reality de A Fazenda, os internautas também o acusaram de machismo, onde causou muita polêmica dentro da casa.

No BBB 2012, Daniel Echaniz foi expulso do reality por acusações de estupro contra a sister Monique Amim, e impactou os demais participantes.

Após uma festa na casa, os dois foram para o quarto, e debaixo do edredom os fãs disseram que Daniel fazia alguns movimentos que sugeriam um ato sexual, com a moça desacordada.

1 COMMENT

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here