Nova patente da Apple promete melhorar imersão virtual com sensores nos dedos 0 66

Nova patente da Apple promete melhorar imersão virtual com sensores nos dedos 1

A realidade virtual (VR) é um tema que vem sendo explorado por muitas empresas de tecnologia, principalmente após o surgimento de diversas vertentes dos óculos de realidade aumentada, presente no mundo dos games na última década.

>> Siga-nos no Google News e Concorra a um iPhone 10 – CLIQUE AQUI! e depois em SEGUIR⭐️

E a busca agora é tornar a imersão neste ambiente virtual ainda mais realista, onde a Apple registrou uma patente recentemente que deverá revolucionar o mercado.

Trata-se de um dispositivo que poderá ser usado nos dedos, tanto para tecnologias de realidade virtual (VR) ou para aumentada (AR). Estes sensores serão capazes de sentir a força, vibração e matéria de elementos, sendo sensível ao toque em objetos presentes no mundo virtual.

Outra patente que também foi registrada foi com relação a uma tecnologia de reconhecimento facial, aplicada em dispositivos com realidade virtual.

Novo Galaxy S11 e outros modelos serão lançados a partir do dia 11 de fevereiro.

A Apple pretende construir acessórios que tornam o uso em realidades virtuais ou aumentadas ainda mais confortáveis e que proporcionem uma experiência ainda maior, deixando os usuários totalmente imersivos nestes ambientes.

Hoje os métodos de controle e interações neste ambiente contam com diversas limitações e a criação de sensores como estes podem tornar a experiência mais precisas e sensitivas.

Apenas um registro

Todos os dias as empresas de tecnologia fazem dezenas de registros de possíveis tecnologias, mas isto não significa que o produto será realmente criado ou que ele deverá chegar em breve ao mercado.

O mesmo se aplica a estas duas novidades com relação ao mercado da realidade virtual.

Headset

Além dos sensores de toque, a Apple registrou uma patente de um headset que usa uma tecnologia semelhante ao Face ID, que reconhece o rosto do usuário. Assim todos os equipamentos iriam se ajustar conforme o usuário, dispensando a necessidade de configurações sempre que os dispositivos fossem usados.

A Apple busca melhorar o conforto e a praticidade com relação a tecnologia. Hoje o mercado criar headsets em tamanhos que se adaptem a grande parcela dos usuários, mas não é algo que se “molda” a cada um deles. A necessidade de criar algo maior, acaba deixando os equipamentos grandes na maioria dos casos, com custo elevado de produção e também um design com menos eficiência.

Previous ArticleNext Article
Jornalista pós-graduado em mídia e redes sociais e jornalismo com passagens pelo Portal R7, Jornal do Trem, Impacto Comunicação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

iPhone 11 com câmera tripla agora tem data de lançamento 0 417

iphone 11 data lancamento

Quem irá substituir os atuais iPhone XR, iPhone XS e iPhone XS Max da décima geração, serão anunciados a partir do próximo dia 10 de setembro de 2019. A Apple confirmou que a data de lançamento do iPhone 11 que irá substituir as versões X e o anúncio das versões Pro e Pro Max, com câmera tripla será neste dia.

>> Siga-nos no Google News e Concorra a um iPhone 10 – CLIQUE AQUI! e depois em SEGUIR⭐️

Todos os detalhes dos novos aparelhos da marca serão apresentados no Teatro Steve Jobs, instalações da Apple que fica localizada em Cupertino, no Estados Unidos.

Quem esperava saber sobre preços e novos detalhes além da câmera tripla que vazou, não saberá nada até o dia 10 de setembro. Como em todos os anos a Apple vem fazendo sigilo total e reforçando o sistema de segurança com relação a fabricação e distribuição dos aparelhos, com multas pesadíssimas para quem vazar algo.

Xiaomi fica proibida de usar a nomenclatura “MIX” em seus aparelhos na China.

Lançamento do iPhone 11

As datas não tinham sido confirmadas antes, mas tudo indicava que o anúncio seria feito antes das vendas de novembro (Black Friday) e dezembro (Natal).

Entre as novidades está o sistema de câmera tripla em quadrado, não em linha como em outros aparelhos do mercado, além de um conjunto duplo, que vem sendo implementado desde o iPhone 7 Plus.

Especula-se que o novo iPhone tenha suporte à caneta eletrônica do iPad, buscando estar próximo ao seu principal concorrente, Samsung, que já oferece algo semelhante e precisa concorrer com a linha do Galaxy Note. A expectativa é que a Apple apresente uma versão miniatura da Apple Pencil para o iPhone.

Os fãs da marca aguardam ansiosos que os aparelhos estejam disponíveis nas lojas oficiais. É esperado grandes filas como em todos os lançamentos das vendas.

Xiaomi fica proibida de usar o nome ‘MIX’ em seus celulares, caso afeta Mi Mix 4 0 312

xiomi mi mix 4 pode nao ter esse nome

A Xiaomi vem enfrentando um problema com o nome “Mix” de seus aparelhos na China. Até o momento a empresa de smartphones chinesa contava com uma linha de aparelhos chamada Mi Mix, lançado até a versão 3. Mas diante deste problema o aguardado Xiaomi Mi Mix 4 não deve chegar com este nome, pelo menos na China.

>> Siga-nos no Google News e Concorra a um iPhone 10 – CLIQUE AQUI! e depois em SEGUIR⭐️

A empresa perdeu um processo judicial referente aos direitos do uso do nome “Mix” na China, que é um nome registrado por outra companhia desde o último ano de 2014. A Xiaomi porém lançou o seu primeiro modelo Mi Mix em 2016, o que justificou sua derrota.

A empresa deverá tentar um acordo com os detentores legais da marca para utilizar o nome Mix, sem haver a necessidade de rebatizar todos os seus aparelhos de alto padrão.

Nova carteira de identidade com QR Code chega ao Brasil.

Registro

A Xiaomi lançou seu primeiro modelo da linha Mi Mix em novembro de 2016. Ela registrou o nome como uma propriedade sua, porém o mesmo foi feito sem saber que havia uma outra companhia chinesa já utilizando o termo nos seus produtos.

Então o uso do nome foi levado aos tribunais chineses a partir de março de 2019. O caso transcorreu até esta semana de agosto, chegando a conclusão de que a Xiaomi terá duas alternativas:

  • Lançar uma nova linha de produtos para evitar multas e sanções;
  • Ou fechar um acordo legal com os detentores da marca Mix.

Renomeação

Mas a Xiaomi está forte em todo o mercado internacional, já sendo um dos modelos preferidos pelos brasileiros. E fora da China a linha “Mix” poderá ser chamada desta maneira, pois já há o registro. A mudança deverá ser apenas no país.

Produtos “premium”

A Xiaomi tem um carinho especial pela linha Mix, pois é a que abrange os produtos premium da marca. O Mi Mix 3, último lançamento, é um aparelho com design bem diferente do mercado, havendo inclusive uma câmera frontal retrátil. O aparelho conta também com receptor 5G, sendo um dos primeiros celulares capazes de receber sinal da internet mais rápida do mercado atual.

Está previsto que o Mi Mix 4 seja composto por processador Snapdragon 855 Plus, sensor fotográfico de 108MP e recarregamento sem fio.

Most Popular Topics

Editor Picks