Taxas do Tesouro sobem com nova pesquisa IBOPE 0 15

financiamento

As taxas do Tesouro Direto atingiram seu maior valor desde maios de 2017. O Tesouro IPCA 2035 e 2045 estão com taxas de 6% mais inflação, valor mais alto nos últimos 18 meses. Este é um investimento em títulos públicos do Governo para aqueles que procuram rentabilidade alta no longo prazo, para levar até o vencimento, visando a aposentadoria.

Em uma simulação feita nesta calculadora do tesouro direto, que com R$10 mil investidos no Tesouro IPCA 2045, teríamos o retorno de R$110.011,56, lucro líquido de R$ 100.011,56.

Taxas do Tesouro Direto desta terça-feira, dia 25 de Setembro de 2018,

Confira as taxas atualizadas dos títulos indexados ao IPCA, Taxa Selic e Pré-fixados. O rendimento pode variar ao longo do dia, até o fechamento do mercado.

Taxas do Tesouro Direto

Taxas de rendimento dos títulos públicos em tempo real:

O Tesouro Direto sãos títulos públicos negociado pelo Governo Federal. Qualquer cidadão pode comprar títulos a partir de R$30,00.

Os títulos são negociados pela corretoras e por bancos. O investidor pode escolher entre os papeis que se adequam a seu perfil, para curto, médio e longo prazo.

Os títulos do Tesouro Direto são considerados os mais seguros investimentos de renda fixa do mercado, superando a poupança. E graças ao seu rendimento, podem ter rentabilidade superior a caderneta.

Fonte: https://www.redebomdia.com.br/economia/09/2018/taxas-do-tesouro-chegam-a-6-nesta-terca-feira-25-09-maior-valor-desde-2017/

Previous ArticleNext Article
Jornalista pós-graduado em mídia e redes sociais e jornalismo com passagens pelo Portal R7, Jornal do Trem, Impacto Comunicação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Volume de cheques devolvidos na PB em junho teve queda de 15% 0 19

cheque sem fundo

O volume de devoluções de cheques no mês de junho registrou queda de 15% em comparação com o mês anterior. A constatação foi feita na última pesquisa Índice de Bons Pagadores da Telecheque. O levantamento apontou que do total de transações com cheques no último mês ocorreram 2,70% devoluções, quando em 3,17% foram registradas em maio.

No país, a pesquisa revelou que a devolução de cheques no mesmo período caiu 8%. Do total de transações com cheques no país o retorno dos documentos não pagos foi de 2,1%, índice 3,1% maior se comparado com o mesmo período do ano passado, quando a inadimplência foi de 2,04%.

No entanto, a expectativa é de que a devolução de cheques aumente 21% no mês de julho, pois começam a ser compensados os cheques pré-datados referentes às compras de Dia das Mães e Dia dos Namorados

Most Popular Topics

Editor Picks