Ontem, sexta-feira, dia 18 de janeiro, a Rede Globo de Televisão se pronunciou a respeito das acusações de estupro e agressão que o participante do Big Brother Brasil 2019, Wanderson sofreu, por parte de 3 mulheres no Acre.

“A Globo é veementemente contra qualquer tipo de violência, mas cabe às autoridades competentes a apuração de denúncias como a que está sendo feita. Se assim for, a Globo poderá tomar medidas, como já fez em outras edições do programa”, falou a emissora na nota emitida para a imprensa.

A delegada que está cuidado do caso explicou: ” A prisão preventiva tem que ter vasta materialidade e, inicialmente, não é este o caso. Neste momento, a permanência dele no programa fica a cargo da emissora. Ele está sendo investigado, não condenado. Avalio todo tipo de prova, principalmente porque os casos ocorreram há mais ou menos dois anos. Estamos levantando testemunhas, fotos, imagens… tudo que possa ser anexado aos autos”.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here