Dia do Trabalho: conheça as origens da celebração do 1º de Maio 0 317

Dia do Trabalho trabalhadores trincheira

O Dia do Trabalho, também conhecido como Dia do Trabalhador, é uma data celebrativa de caráter internacional. Em outras palavras, ela é comemorada não apenas aqui no Brasil, mas no mundo inteiro. Ademais, esta data celebrativa é igualmente um feriado nacional.

>> Siga-nos no Google News e Concorra a um iPhone 10 – CLIQUE AQUI! e depois em SEGUIR⭐️

Contudo, você saberia dizer qual a origem deste feriado? Qual o sentido dele? Onde ele é celebrado? Estas e muitas outras perguntas responderemos ao longo desse artigo.

A origem do Dia do Trabalho: as lutas sindicais

Antes de mais nada, no dia 1º de Maio de 1886, ocorreu uma manifestação realizada por milhares de trabalhadores em Chicago, nos Estados Unidos. A priori, o intuito era reivindicar a diminuição da jornada de trabalho.

Leia também:Jovem sofre racismo em jogo de Free Fire e compartilha no YouTube.

Anteriormente, a jornada de trabalha consistia em um carga de 13 horas. Por outro lado, os trabalhadores queriam que ela ficasse reduzida para 8 horas diárias. Nesse mesmo dia, uma greve geral foi declamada por todo os Estados Unidos.

Logo após esse incidente, no dia 03 de maio, aconteceu uma nova manifestação por parte dos grevistas. Entretanto, a mesma foi duramente reprimida pela polícia, culminando na morte de alguns manifestantes.

Dia do Trabalho confronto manifestantes
Representação do confronto entre manifestantes e policiais em Chicago.

Depois, no dia 4 de maio, em mais um protesto, uma pessoa jogou uma bomba que matou 7 integrantes da polícia. Como uma espécie de retaliação, a polícia disparou contra a multidão, resultando na morte de 12 pessoas e ferindo inúmeras delas.

Leia também: Novo Imperador do Japão é proclamado neste dia 1º!

Posteriormente, alguns dias após os fatos citados, dezenas de sindicatos espalhados pelo país foram ocupados pela polícia. Cerca de 100 sindicalistas foram presos e 8 deles processados.

Destes, 7 foram condenados à pena de morte e 1 se suicidou na cela. Dois dos condenados à pena de morte tiveram a mesma revertida para prisão perpétua.

Por que Chicago foi o “berço” do Dia do Trabalho?

Chicago foi o estopim disso por uma razão: ela era uma das cidades mais industrializadas dos EUA. Por essa razão, ela atraía um contingente enorme de pessoas, inclusive imigrantes.

Por conta disso, a cidade cresceu absurdamente.

Dia do Trabalho trabalhadores trincheira
Domínio Público – Wikicommons.

Entre os imigrantes que foram para a referida cidade, estavam os alemães. Por sua vez, muitos deles traziam consigo ideias socialistas e anarquistas. Manifestações por justiça social, melhores condições de trabalho e liberdade já ocorriam.

O crescimento e fortalecimento do movimento trabalhista

Assim sendo, em decorrência da truculência da polícia e o julgamento controverso e malfeito dos sindicalistas, as pautas dos trabalhados foram postas em evidência.

Por todo o país, intensificou a luta de trabalhadores. Eles não mais suportavam calados as condições precárias e abusivas de trabalho.

Em outras partes do mundo, os quatro sindicalistas condenados à mortes (dos que efetivamente sofreram a pena) foram encarados pelo movimento trabalhista como vítima de um sistema judiciário arbitrário e falho e o abuso de força e autoridade por parte da polícia.

Quando o 1º de Maio foi instituído?

No ano de 1989, pouco mais de 100 anos após os fatos em Chicago e 200 anos após a Revolução Francesa, ocorreu a Segunda Internacional Socialista, na cidade de Paris.

O intuito desta manifestação era a luta pelas 8 horas diárias de trabalho. Além disso, eles escolheram a data de 1º de maio como uma forma de homenagear as lutas sindicais de Chicago. Logo depois, em 1990,alguns países deflagraram greve geral, em apoio à luta trabalhista. Foram eles:

  • Áustria;
  • Hungria;
  • Bélgica;
  • Espanha;
  • Holanda;
  • Dinamarca;
  • Itália;
  • Suíça;
  • Grã-Bretanha.

Passado alguns anos, a França e Rússia proclamaram esta data como Dia do Trabalho. Aqui no Brasil, isso foi feito em 1924, pelo então presidente Artur Bernardes.

Além disso, vale lembrar que o 1º de Maio é feriado em diferentes lugares. Curiosamente, contudo, a data não é um feriado nos EUA, que até hoje não a reconhece. Todavia, ela posteriormente atendeu às reivindicações para reduzir a jornada de trabalho diária para 8 horas.

Previous ArticleNext Article
Graduada e Mestre em História. Faço parte da equipe de redação do portal TV É Brasil. Além de professora e historiadora, sou redatora web freelancer/autônoma. Uma verdadeira amante da cultura, arte e entretenimento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

45 mil litros de combustível são apreendidos pela PRF em Seropédica 0 107

45 mil litros combustivel preso pela prf

Uma apreensão considerada grande de combustíveis foi feita pela Polícia Rodoviária Federal na manhã deste último dia de novembro (30/11). A PRF parou três carretas carregadas com etanol e encontrou irregularidades nas notas fiscais.

>> Siga-nos no Google News e Concorra a um iPhone 10 – CLIQUE AQUI! e depois em SEGUIR⭐️

A carga foi apreendida durante uma blitz que os agentes federais realizavam no quilômetro 208 da via Dutra. Este quilômetro fica localizado na cidade de Seropédica, na região metropolitana do Rio de Janeiro.

As carretas estavam carregadas de etanol e durante o flagrante foi constatado a irregularidade nas notas fiscais dos três veículos. Elas foram apreendidas juntas pois seguiam em comboio para a capital, Rio de Janeiro.

Museu Grünes Gewölbe é invadido por ladrões na Alemanha e bilhões são levados.

45 mil litros de combustível irregular

Os policiais abordaram os motoristas e solicitaram as notas fiscais das mercadorias. Então elas foram consultadas nos sistemas de segurança da PRF e então foi constatado irregularidades tributárias nos documentos. Todos os veículos eram responsáveis pelo transporte de 45 mil litros de etanol pronto para uso.

Após constatar as irregularidades, a questão foi encaminhada para o Posto Fiscal da Secretaria de Fazenda Estadual (SEFAZ), que é localizada em Nhangapi, na região de Itatiaia, Rio de Janeiro.

Os motoristas estão prestando depoimento para a polícia rodoviária, mas devem ser liberados nas próximas horas.

Imagem divulgação: Extra.com

Ex diretor do Detran no Paraná é preso em operação da Gaeco 0 130

preso ex diretor do detran pela gaeco

O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado, a Gaeco, prendeu na manhã desta quarta feira através da operação Taxa Alta, o ex-diretor-geral do Detran no Paraná, Marcello Panizzi.

>> Siga-nos no Google News e Concorra a um iPhone 10 – CLIQUE AQUI! e depois em SEGUIR⭐️

Marcello era atualmente o diretor-geral da Assembleia Legislativa do Paraná (ALEP). Ele era um dos cinco alvos da Gaeco nesta operação, onde foram emitidos os mandados de prisão preventiva para Curitiba, Maringá e Brasília.

Esta operação é focada na investigação de irregularidades em um edital do Detran com a finalidade de credenciar empresas responsáveis pelo registro de financiamentos de veículos no Paraná.

Agora a cota para compras no Paraguai será de US$ 500 e US$ 1000.

Os policiais da Gaeco chegaram a casa de Panizzi, que fica localizada no bairro São Lourenço, em Curitiba, logo pela manhã. Além da prisão, os policiais também estavam executando um mandado de busca e apreensão.

Outros que receberam a visita dos policiais nesta quarta foram três servidores comissionados da época do edital e um ex-assessor da Governadoria do Estado do Paraná.

Operação Taxa Alta

Esta operação está responsável por apurar o suposto direcionamento dos credenciamentos do edital de 2018 pelo Departamento de Trânsito do Paraná. Os registros de contratos eram feitos eletronicamente, onde haviam cláusulas restritivas à venda, como reserva de domínio, penhor, alienação fiduciária ou arrendamento.

Todo o processo foi manipulado para beneficiar uma das vencedoras. A empresa que venceu a licitação, faturou entre novembro de 2018 e junho de 2019, nada menos do que R$ 77 milhões. Ela pediu seu credenciamento para o serviço um dia após a publicação do edital e por um grande período praticamente monopolizou toda a operação.

Antes do credenciamento desta empresa, o preço cobrado dos donos de automóveis no Paraná eram de R$ 143. Após a inclusão da vencedora do edital para assumir a documentação dos financiamentos, o preço pelo serviço subiu para R$ 350.

Most Popular Topics

Editor Picks