Congressista republicano Justin Amash afirma que conduta de Trump é passível de impeachment 0 207

congressista republicano justin amash

O congressista republicano Justin Amash, um freqüente crítico do presidente Donald Trump, no sábado, tornou-se o primeiro legislador republicano a dizer que o presidente se envolveu em um comportamento que não pode ser tratado.

>> Siga-nos no Google News e Concorra a um iPhone 10 – CLIQUE AQUI! e depois em SEGUIR⭐️

Leia tambémPolíticas de austeridade econômica são uma violência estrutural, de acordo com pesquisa inglesa.

Congressista republicano Justin Amash e as duras críticas a Trump

congressista republicano justin amash

O relatório do conselheiro especial Robert Mueller sobre a investigação da interferência russa na eleição de 2016 revela que Trump “se envolveu em ações específicas e um padrão de comportamento que atende o limiar para o impeachment”, afirmou Amash, que indicou que consideraria um libertário contra Trump na eleição de 2020, escreveu no Twitter.

Leia tambémImpeachment Bolsonaro, uma realidade?Ao menos no Twitter sim!

O relatório de Mueller “identifica vários exemplos de conduta que satisfazem todos os elementos de obstrução da justiça e, sem dúvida, qualquer pessoa que não seja o presidente dos Estados Unidos seria indiciada com base em tais evidências”, escreveu o congressista republicano Justin Amash.

Trump disse que o relatório de Mueller concluiu que não há obstrução da justiça. O relatório de Mueller não fez nenhuma descoberta formal sobre essa questão, deixando o assunto para o Congresso.

O congressista republicano Justin Amash também escreveu que “está claro” que o procurador-geral William Barr pretendia enganar o público sobre o relatório de Mueller em suas conclusões e testemunho do Congresso sobre o assunto.

Leia também Primeira ministra do Reino Unido é pressionada para estabelecer data de sua saída do governo.

Em sua carta ao Congresso, Barr disse que ele e seu vice Rod Rosenstein determinaram que não havia provas suficientes para estabelecer que o presidente cometeu obstrução penal à justiça, ou agiu ilegalmente para impedir a investigação.

Os impactos da declaração de Amash

Os comentários do congressista republicano Justin Amash ecoaram as conclusões de muitos democratas. A presidente da Câmara, Nancy Pelosi, disse em 8 de maio que Trump estava se aproximando do impeachment com seus esforços para impedir intimações do Congresso e obstruir os esforços dos legisladores para supervisionar sua administração.

Ainda assim, os democratas estão divididos sobre o impeachment e Pelosi também disse que os procedimentos de impeachment seriam “divisivos” para o país.

A Casa Branca e o Departamento de Justiça não responderam imediatamente aos pedidos de comentários sobre os tweets de Amash.

Ronna McDaniel, presidente do Comitê Nacional Republicano, escreveu no Twitter “é triste ver … Amash repetindo os pontos de vista dos democratas sobre a Rússia”. Ela disse que as únicas pessoas que ainda estão preocupadas com a investigação russa são os inimigos políticos de Trump. derrotá-lo em 2020 por qualquer meio desesperado possível. ”

O congressista republicano Justin Amash, que representa o terceiro distrito congressional de Michigan, escreveu que leu o relatório completo de Mueller, mas que poucos membros do Congresso tinham feito.

Em fevereiro, Amash se tornou o único republicano a co-patrocinar uma resolução na Câmara dos Deputados dos Estados Unidos para rejeitar a emergência de Trump declarada na fronteira entre os EUA e o México para construir um muro lá, em uma repreensão ao presidente.

O impeachment deve ser realizado apenas em circunstâncias extraordinárias, escreveu Amash no sábado. Mas o risco durante um período de partidarismo extremo “não é que o Congresso o empregue como um remédio com demasiada frequência, mas sim que o Congresso o empregará tão raramente que não possa impedir a má conduta”.

Previous ArticleNext Article
Graduada e Mestre em História. Faço parte da equipe de redação do portal TV É Brasil. Além de professora e historiadora, sou redatora web freelancer/autônoma. Uma verdadeira amante da cultura, arte e entretenimento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Prefeita de Paris cobra título da Champions League de Neymar 0 127

Anne Hidalgo prefeita paris cobra neymar

Nesta quinta-feira (12/09) o atacante brasileiro do Paris Saint-Germain recebeu uma “intimação” diferente sobre seu desempenho no clube. A prefeita de Paris, em tom de brincadeira cobrou a ajuda do craque para que o PSG ganhe a Champions League da temporada 2019/2020.

>> Siga-nos no Google News e Concorra a um iPhone 10 – CLIQUE AQUI! e depois em SEGUIR⭐️

Esta cobrança pública feita pela prefeita de Paris, Anne Hidalgo, foi feita durante uma entrevista em um dos canais de televisão da França, o Télé Loisirs. O caso está sendo noticiado nos principais jornais esportivos do Brasil, pois chamou bastante a atenção.

Ela cobrou o jogador brasileiro dizendo que o craque precisa ajudar o PSG a ganhar a Liga dos Campeões neste ano, pois o país “necessita” do título deste torneio.

Durante a entrevista ela disse:

“Neymar tem que nos ajudar a vencer. Eu gosto de futebol, do PSG e torço realmente para eles. Ele colocou a Torre Eiffel em azul e vermelho, as cores de Paris e do PSG. Agora, garoto, nós te amamos muito, você terá que levantar e ganhar a Liga dos Campeões”

Saída de Neymar do PSG também foi assunto

Além do pedido, a prefeita também foi indagada sobre a saída do brasileiro do PSG, onde ela também veio a comentar sua possível volta para o Barcelona. Isso porque muitos torcedores do PSG, a comissão técnica e outros envolvidos com o clube, encararam o desfecho como uma “falta de consideração” pelo clube.

Mas a prefeita se vê otimista quanto a permanência e acredita que o jogador poderá ser perdoado, desde que coloque os pés no chão e ajude o time, afinal Paris o recebeu muito bem.

Hidalgo disse que ele deverá enfrentar um período complicado com os torcedores, mas isso poderá ser revertido se ele se esforçar no clube, marcar gols e quem sabe ajudar o PSG a chegar na final da Champions League. A decisão de reconquistar a torcida está em seus pés.

Neymar pisa na bola com o PSG e torcedores se irritam.

Após fim com Anitta, Scooby posa com Luana Piovani em Foto 0 144

reencontro luana piovani e scooby apos termino anitta

Não, eles não voltaram, pelo menos é o que aparenta. Neste final de semana, Luana Piovani e Pedro Scooby, que acabou de terminar seu relacionamento com a cantora Anitta, posaram juntos em uma foto no aniversário de quatro anos dos gêmeos Bem e Liz, juntamente com o seu terceiro filho, Dom.

>> Siga-nos no Google News e Concorra a um iPhone 10 – CLIQUE AQUI! e depois em SEGUIR⭐️

O aniversário ocorreu em Fernando de Noronha e contou com a presença de grande parte da família. Houve bolo, docinhos e uma decoração feita pelas professoras da ilha, com o tema Fundo do Mar.

Além da foto, o que chamou a atenção de muitos que torcem individualmente pelos dois, foi o pedido de união entre eles que a Luana Piovani publicou em sua rede social. No Instagram ela escreveu:

“E aqui em Noronha, rolou a segunda festinha de niver dos geminhos. Tema do fundo do mar, que as professoras da escolinha daqui emprestaram e arrumaram, o amor só fazendo multiplicação. Papai veio e então a família estava completa, fez se a foto e a memória. Que Deus e nossa sabedoria nos mantenha unidos Pedro Scooby, para que os dias de nossos filhos sempre sejam assim, alegres, coloridos e transbordantes em amor.”

reencontro luana piovani e scooby apos termino anitta

@Luapio

Com toda a família reunida, além das fotos eles também cantaram as versões brasileira e portuguesa da música “Parabéns a você” e todos estavam com semblantes bem felizes.

Tudo estava bem simples, mas a impressão é que havia paz no ambiente, algo considerado muito importante pelos dois com relação a criação dos filhos.

Polêmicas

Ambos se envolveram em diversas polêmicas nos últimos dias, após comentários maldosos na mídia sobre os relacionamentos individuais de Luana Piovani e de Scooby, que estava namorando a cantora Anitta.

Rock in Rio exige pré cadastro da Pulseira/Ingresso

Most Popular Topics

Editor Picks