IBGE 2020 – Censo deverá ter somente 76 questões já confirmadas 0 131

censo ibge 2020

Nesta terça-feira, dia 28 de maio de 2019, a presidente do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Susana Cordeiro, Guerra, confirmou a notícia de que a quantidade de perguntas no Censo 2020 será reduzida, para que os valores gastos com a pesquisa fiquem dentro do orçamento previsto.

>> Siga-nos no Google News e Concorra a um iPhone 10 – CLIQUE AQUI! e depois em SEGUIR⭐️

O Censo Demográfico 2020 terá 32% menos perguntas do que o Censo 2010. O IBGE reduziu de 112 questões referentes ao formulário original, para um total de 76 questões. Com essa redução os custos das pesquisas no próximo ano deve ficar em R$ 2,3 bilhões, um valor 25% menor do que o previsto em orçamento, algo que girava em torno dos R$ 3 bilhões.

Censo 2020

O censo no Brasil é realizado a cada dez anos e chega a todas as regiões do país. Por isso é investido um valor alto para obter as informações, pois é preciso que os pesquisadores do IBGE façam visitas em milhares de domicílios do país, onde devem coletar dados sobre as principais características dos moradores. Entre estas informações estão os níveis de escolaridade, atividades laborais, quantidade de membros familiares, religião, entre outras.

No Brasil o último Censo foi realizado em 2010. O IBGE acredita que desde então a população brasileira tenha aumentado cerca de 10%, alcançando hoje a marca de 213 milhões de habitantes.

Em 2010 o formulário básico, que é feito em todas as residências visitadas, tinha um total de 34 questões. Para 2020 estes formulário terá apenas 25 perguntas. Já o de amostra, que deverá ser aplicado em apenas 10% das residências deverá ter 76 perguntas.

A presidente do IBGE informou que serão 190 mil pesquisadores nas ruas, com a missão de visitar 5570 municípios do Brasil, obtendo informações de cerca de 71 milhões de residências.

Os temas do questionário básico do Censo 2020 já foram divulgados e entre as questões estão:

  • Lista de moradores;
  • Migração interna e internacional;
  • Fecundidade;
  • Identificação étnico-racial;
  • Nupcialidade;
  • Núcleo familiar;
  • Deslocamento para trabalho;
  • Religião ou culto;
  • Deficiência;
  • Características do domicílio;
  • Educação;
  • Deslocamento para estudo;
  • Mortalidade;
  • Trabalho e rendimento.

Em uma estratégia adotada pelo próprio IBGE para reduzir custos, Eduardo Rios Neto, atual diretor de pesquisas do IBGE, cita que a redução das questões não irá dificultar o Censo 2020, pelo contrário a finalidade é montar questões de qualidade nos questionários e não um número alto de questões desnecessárias.

Portanto o Censo 2020 será mais preciso e contará com uma qualidade superior ao Censo 2010.

A redução partiu do próprio IBGE e não do Governo Federal, que apenas estipulou um teto orçamentário para as pesquisas. Segundo a diretoria do Instituto, a redução das questões seriam feitas de qualquer maneira.

Previous ArticleNext Article
Jornalista pós-graduado em mídia e redes sociais e jornalismo com passagens pelo Portal R7, Jornal do Trem, Impacto Comunicação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bandidos da Cidade de Deus trocam tiros com a PM nesta quarta 0 45

bandidos atras barreira cidade de deus

A manhã desta quarta-feira (12/06) amanheceu sob fogo cruzado na Cidade de Deus, Zona Oeste do Rio de Janeiro. Bandidos travaram uma batalha contra policiais militares na região, já a partir das 6h40 desta manhã.

>> Siga-nos no Google News e Concorra a um iPhone 10 – CLIQUE AQUI! e depois em SEGUIR⭐️

Os policiais entraram na favela com seu veículo blindado, com o intuito de se aproximar de uma barreira que foi reconstruida pelos bandidos, onde em um outro momento havia sido demolida pelo batalhão da PM. Os criminosos fortemente armados com fuzis e pistolas, usaram esta barreira como proteção, enquanto trocavam tiros contra o blindado e policiais que seguiam por terra.

O helicóptero da polícia dava cobertura a partir das 7h10 e outro de uma emissora acompanhava toda a operação.

Foram mais de 30 minutos de fogo cruzado, quando os bandidos acabaram recuando para uma área da mata próxima da favela. O blindado avançou e mais uma vez derrubou a barreira de concreto construida para dar um “apoio tático” aos bandidos.

Por trás da barreira

Os criminosos utilizaram esta barreira para criar uma tática contra os PM, onde se revezavam contra os policiais, disparando constantemente contra os policiais. A parede foi atingida diversas vezes durante o confronto, mas não chegou a ser atravessada, pois era feita de concreto.

Essas barreiras são construidas em pontos estratégicos dentro da Cidade de Deus e de outras favelas do Rio de Janeiro. Elas auxiliam os criminosos fornecendo “segurança” para que uma equipe possa monitorar a movimentação das equipes táticas da PM dentro da comunidade.

Esta barreira em questão, havia a pouco tempo sido derrubada por agentes do mesmo batalhão em outra operação na favela. Mas rapidamente ela foi reconstruida pois se trata de um ponto importante de monitoramento.

Operação da PM

Esta operação em si não era para somente derrubar a barreira tática, mas sim com o objetivo de remover residências irregulares dentro da comunidade.

Outra região que recebeu PMs e também houve troca de tiros, foi no Caratê, próximo das 5h50.

Foto: Reprodução/TV Globo

Os melhores memes da #VazaJato na Internet 0 76

memes da #vazajato

Uma notícia caiu como uma bomba no domingo: o vazamento de áudios, vídeos e mensagens entre Sérgio Moro e Deltan Dallagnol, evidenciando ações escusas, antiéticas e ilegais por parte de ambos. Como é de se esperar no Brasil, os internautas produziram inúmeros memes da #VazaJato na Internet.

>> Siga-nos no Google News e Concorra a um iPhone 10 – CLIQUE AQUI! e depois em SEGUIR⭐️

Leia também:

Os fatos que deram origem aos memes da #VazaJato

memes da #vazajato
Reprodução/Café com Notícias

Domingo (09/06), uma reportagem veiculada pelo The Intercept Brasil trouxe à tona para a população brasileira uma notícia bombástica:áudios e mensagens trocadas entre o atual ministro da Justiça Sérgio Moro e Deltan Dallagnol, quando moro ainda era juiz em Curitiba, evidenciam uma colaboração antiética e ilícita entre ambos, no âmbito da Lava Jato.

Segundo a série de reportagens do The Intercept, Moro e Dallagnol atuaram em conjunto, de forma ilegal, no âmbito da Lava Jato. Eles trocaram uma série de mensagens, na qual Moro dá uma série de dicas, pistas, palpites, instruções, enfim, colaborou com a operação, atitude essa que, enquanto juiz participante, está totalmente contra a lei.

O objetivo dessa colaboração seria obter a prisão do ex-presidente Lula, impedindo de concorrer às eleições e também encontrar meios para impedir, posteriormente, que Fernando Haddad ganhasse as eleições.

As fontes das reportagens

Conforme divulgado pelo The Intercept, há um vasto material, composto por mensagens no Telegram, fotos, áudios e vídeos. São mais de 1600 horas de áudio e vídeo. A fonte, por razões, óbvias, é anônima.

Em uma nota, o Ministério Público Federal atestou a veracidade e autenticidade das fontes. Dito de outro modo, as fontes são verdadeiras.

A reação da Internet

Como era de se esperar, a notícia bombou dentro e fora da Internet. Nas redes sociais, como Facebook, Twitter e Instagram, pessoas “comuns” e figuras mais conhecidas comentaram o caso.

Além disso, houve e continua havendo uma profusão de memes da #VazaJato, como ficou conhecido o vazamento dos materiais incriminadores.

Veja adiante alguns dos melhores memes da #VazaJato:

memes da #vazajato
Reprodução/Facebook – Prazeres Barros

 

Os melhores memes da #VazaJato na Internet 1
Reprodução/Facebook
Os melhores memes da #VazaJato na Internet 2
Reprodução/Facebook
Os melhores memes da #VazaJato na Internet 3
Reprodução/Facebook
Os melhores memes da #VazaJato na Internet 4
Reprodução/Facebook
Os melhores memes da #VazaJato na Internet 5
Reprodução/Facebook
Os melhores memes da #VazaJato na Internet 6
Reprodução/Facebook

 

Most Popular Topics

Editor Picks