Farmácias de manipulação entram na justiça contra WhatsApp 0 79

farmacias de manipulacao bloqueio whatsapp

Cerca de 560 contas de farmácias de manipulação no Brasil tiveram a sua conta suspensa do WhatsApp. A justificativa segundo a empresa é que em suas políticas comerciais, qualquer tipo de transação que envolva drogas e remédios sob prescrição médica, são proibidos na plataforma.

>> Siga-nos no Google News e Concorra a um iPhone 10 – CLIQUE AQUI! e depois em SEGUIR⭐️

Como o WhatsApp Business é um importante recurso de venda e trabalho de marketing nos dias atuais, a solução foi entrar na Justiça tentando reverter o bloqueio. A responsável por mover uma ação legal foi a Associação Nacional de Farmacêuticos Magistrais (Anfarmag).

Segundo a Anfarmag, todos os perfis eram usados para contactar clientes, tirando dúvidas e informando sobre prazos, entregas e valores.

Venezuela não foi a responsável por derramar óleo no Nordeste.

Restabelecimento das contas

O pedido liminar da Anfarmag foi destinado a restabelecer as contas de todas as contas que foram bloqueadas. O número de 560 é apenas para algumas delas e o intuito é justamente que o caso não atinja a todas as farmácias de manipulação do país que usam o WhatsApp.

A associação informou que o número de bloqueios aumentou muito na última semana de outubro, onde pequenos e grandes grupos passaram a exibir avisos que haviam violado os termos de uso. Segundo eles não houve um motivo claro sobre os bloqueios, mesmo diante das políticas comerciais.

A legislação brasileira permite que produtos manipulados possam ser vendidos com receita digital e isso seria um bom motivo para não haver o bloqueio dos grupos.

Ferramenta de comunicação

As farmácias de manipulação utilizam o WhatsApp como uma importante ferramenta de comunicação com o cliente. Através das receitas digitais é possível solicitar o pedido, obter informações de atendimento e todas as orientações necessárias sobre cada caso.

A representante até tentou contato com o Facebook, empresa responsável pelo aplicativo, mas não houve uma resposta conivente, havendo a necessidade do contato judicial.

 

Previous ArticleNext Article
Jornalista pós-graduado em mídia e redes sociais e jornalismo com passagens pelo Portal R7, Jornal do Trem, Impacto Comunicação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Uber lança programa “Elas na Direção” para incentivar mais mulheres a gerar renda dirigindo com o app 0 63

uber woman curitiba

Entre as novidades da nova plataforma, está a opção de motoristas parceiras mulheres receberem chamadas apenas de passageiras mulheres

>> Siga-nos no Google News e Concorra a um iPhone 10 – CLIQUE AQUI! e depois em SEGUIR⭐️

Plataforma contará com vantagens exclusivas para mulheres que querem conquistar sua independência financeira dirigindo

A partir desta quarta-feira (06/11), o aplicativo Uber em Curitiba, a capital paranaense, terá a opção para que motoristas mulher, aceitem e façam corridas apenas com passageiras mulheres. O novo projeto vem sendo apelidado de Uber Woman, mas o nome oficial da plataforma é “Elas na Direção”.

O projeto estava em fase de testes desde o fim de 2018 e foram um ano de testes para criar um sistema eficaz. O objetivo do Uber é atrair cada vez mais mulheres para a plataforma de transporte, já que elas representam apenas 06% de todos os motoristas cadastrados no país.

Rio de Janeiro autoriza funcionamento do app Buser, o Uber de Ônibus.

Projeto piloto em Curitiba

Marcio Meo, atual gerente de comunicação da Área de Segurança da Uber, disse que o projeto é saber se realmente a medida será capaz de gerar mais segurança tanto para as passageiras como para as próprias motoristas. Se for confirmado a eficácia, o projeto deverá se expandir para outros estados.

O aplicativo visa possibilitar também que as mulheres possam conquistar sua independência financeira, sem a necessidade de abrir mão de suas rotinas pessoais. Assim como outros motoristas do aplicativo, todas as atividades poderão ser feitas em horários fora dos compromissos.

As motoristas devem também receber dicas de educação financeira e outros apoios através do aplicativo para poder exercer a profissão com segurança e de forma que possa contribuir positivamente para a qualidade de vida.

Com as novidades elas terão o controle se desejam realizar corridas apenas para mulheres ou se estarão dispostas a realizarem todas as opções disponíveis no app.

A Uber no Brasil também promete mais meios de segurança nos próximos meses, beneficiando os motoristas e passageiros, pois em certas regiões há ainda alguns problemas neste sentido.

Novo app de transporte permite que você escolha o preço que irá pagar.

KFC em Curitiba está em busca de profissionais transexuais 0 88

kfc curitiba contrata trans

O KFC foi inaugurado em Curitiba, mais precisamente no Shopping Palladium, no último dia 24 de outubro. E a rede de fast food anunciou nesta semana que estará contratando 50 profissionais transexuais.

>> Siga-nos no Google News e Concorra a um iPhone 10 – CLIQUE AQUI! e depois em SEGUIR⭐️

A medida é uma parceria do Cidadania T, um programa de empregabilidade de pessoas trans, proveniente da Assessoria de Direitos Humanos, do setor de Políticas da Diversidade Sexual da Prefeitura de Curitiba.

Quem estiver interessado nas vagas deverão enviar seus currículos através do email:

  • recrutamento@kfccuritiba.com.br

O email deve estar em cópia para o email:

  • diversidade@pmc.curitiba.pr.gov.br

Assim a parceria poderá ser acompanhada de pertinho.

Vagas para Trans em Curitiba

Para poder trabalhar no KFC será preciso ter atribuições sobre a manipulação e preparação de alimentos, organização, limpeza e também atendimento ao cliente. Os horários são bem variados e haverá uma rotina diferenciada neste fim de ano.

5 formas de parcerias com freelancers para fazer hoje.

Prefeitura de Curitiba

O assessor da Diversidade Sexual de Curitiba, Allan Johan, disse que a inclusão destes profissionais em empresas trás benefícios tanto para os trans como para a sociedade, pois é difundido a sua cultura o que acaba gerando respeito e reconhecimento pela população.

Segundo ele existem muitos profissionais trans altamente capacitados, mas as oportunidades acabam sendo poucas pois há um preconceito com relação a sua identidade de gênero. É preciso dar uma chance para que eles possam mostrar o seu potencial.

Campanhas em Curitiba

Diversos posts nas redes sociais foram propagados para mostrar que a eficiência, competência e o profissionalismo não tem ligação com a identidade de gênero. Em muitas ações uma empresa pode ter o papel fundamental na sociedade na questão da inclusão.

A capacidade profissional e a orientação sexual são coisas bem diferentes, onde uma não interfere em nada a outra.

Most Popular Topics

Editor Picks