fundacoes chinesas Jack ma e alibaba doam suprimentos para america latina combater coronavirus

Fundações chinesas se propõe a doarem suprimentos médicos à América Latina

A América Latina é um dos principais consumidores de produtos chineses e a pandemia de coronavírus não faz bem para nenhuma economia. Em meio ao caos global que foi instaurado, muitos estão unindo forças para ajudar no combate do Covid-19, para que em breve tudo possa estar como em novembro de 2019.

E entre essas ações conjuntas para disseminar o vírus, fundações chinesas se propuseram a partir desta terça-feira (24/03) ajudar países latino americanos em sua batalha. Entre elas está a Fundação Jack Ma e a Fundação Alibaba.

Ambas gigantes do varejo chinês, com forte mercado nas Américas, estão preparando cargas de suprimentos médicos para doarem à 24 países da América Latina.

Empresas brasileiras que anunciaram a paralisação por conta do COVID-19.

Doação de suprimentos da Alibaba e Jack Ma

Para ajudar no combate à propagação do coronavírus, ambas as fundações estão doando dois milhões de máscaras, 104 respiradores e 400 mil kits de teste. Entre os países beneficiados estará o Brasil, Argentina, Chile, Equador, Cuba, Peru e República Dominicana.

Através da conta no Twitter a Jack Ma informou que estarão enviando os suprimentos o mais breve possível e de forma apressada. Ela termina enfatizando “SOMOS UM”.

China

A China que vinha de um momento onde a propagação do vírus estava estabilizada, está com medo de uma nova crise local. Nesta última segunda-feira (23/03) o número de casos do coronavírus chegou a dobrar em relação ao domingo.

Entre os casos locais foram apenas 4, mas em toda a China o número de casos importados chegaram a 427.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *