Incêndio em Castelo Branco Portugal já deixa 20 feridos e comove Europa 0 280

incendio em portugal 2019

Em 2017 Portugal viveu uma situação com incêndios que acabou deixando 114 pessoas mortas e para não viver uma situação semelhante no período das secas de 2019, o país deixa diversas regiões em alerta máximo.

>> Siga-nos no Google News e Concorra a um iPhone 10 – CLIQUE AQUI! e depois em SEGUIR⭐️

As equipes de bombeiros trabalham incansavelmente neste final de semana, onde neste domingo (21/07) diversos aviões e helicópteros de combate a incêndio estão realizando voos para apoiar os bombeiros em terra que lutam nos últimos dias contra uma queimada que vem se alastrando na região montanhosa de Castelo Branco.

Nesta região próxima ao centro de Portugal, já há 20 feridos, onde dos quais 12 são civis e 8 bombeiros que tentam controlar as chamas. As informações foram publicadas pelo Ministério do Interior.

Até as 12h30 deste domingo, cerca de 1300 bombeiros e 400 veículos lutam contra as chamas na região, onde a grande maioria está concentrada próxima ao município de Vila de Rei, onde 800 bombeiros, 245 veículos e 13 aeronaves fazem o trabalho para acabar com o incêndio.

Segundo o ministro do Interior de Portugal, Eduardo Cabrita, apenas o foco de Vila de Rei continua ativo na região. Foram 25 quilômetros de queimadas em Vila de Rei, identificado desde o ponto de origem. Outros focos nas florestas de Portugal conseguiram ser controlados ainda neste sábado (20/07).

Incêndio criminoso

Mesmo sendo um período de secas, o que contribui para os incêndios, a origem está sendo verificada, pois segundo o próprio ministro há algo muito estranho, já que os cinco incêndios significativos de Portugal este ano ocorreram em áreas muito próximas.

Segundo o ministério da Defesa Civil, nenhum dos vilarejos foi evacuado, mas essa situação pode ocorrer a qualquer momento e os moradores já estão cientes do caso.

O exército português já instalou uma cozinha de campanha em Vila de Rei, que é capaz de gerar alimentação para até 600 pessoas. Além disso foram enviados 20 soldados e quatro veículos militares para abrir os caminhos na floresta e facilitar o acesso dos bombeiros.

Portugal sob alerta

O alerta máximo foi propagado em Portugal, já que cinco regiões do centro e sul do país, podem sofrer com incêndios a qualquer momento em decorrência das secas e ventos nesta época do ano. Outro fator que contribui para as queimadas são as temperaturas acima dos 40 graus em Castelo Branco.

Hoje ela está abaixo deste patamar, mas o alerta vermelho da onda de calor na região está instaurado.

Previous ArticleNext Article
Jornalista pós-graduado em mídia e redes sociais e jornalismo com passagens pelo Portal R7, Jornal do Trem, Impacto Comunicação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Eleição no Reino Unido em 12 de dezembro é aprovada no parlamento 0 103

parlamento britanico novas eleicoes 12 dezembro

Acabou de ser aprovada pelos parlamentares britânicos a antecipação das eleições no país, marcada já para o próximo dia 12 de dezembro. Esta será uma eleição geral no Reino Unido, uma proposta de Boris Johnson, o primeiro-ministro britânico.

>> Siga-nos no Google News e Concorra a um iPhone 10 – CLIQUE AQUI! e depois em SEGUIR⭐️

Esta foi a solução encontrada para colocar a gestão inglesa em ordem, onde neste ano a primeira-ministra, Theresa May, acabou deixando o seu cargo no dia 24 de maio, diante dos fracassos no caso do Brexit.

Cuba é o próximo alvo das sanções dos Estados Unidos.

Parlamento Britânico

Os parlamentares da Câmara dos Comuns na Inglaterra, fizeram uma votação para a realização das eleições nacionais no próximo dia 12, onde a vitória foi esmagadora, sendo aprovada por 438 votos à favor e 20 contra.

Mas apesar de aprovada, a proposta deve seguir para a câmara alta do Parlamento, que deve analisar melhor o caso e chegar a uma conclusão final. Mas muitos já acreditam que realmente haverá uma votação ainda em 2019 para eleger o novo (a) primeiro-ministro.

Militar pode estar por trás de caso de sargento preso com cocaína na Espanha 0 145

cocaina presa manoel sargento fab

A Polícia Federal continua suas investigações sobre o caso do militar brasileiro que foi preso transportando 39 quilos de cocaína utilizando o avião presidencial. A polícia espanhola prendeu o sargento Manoel Rodrigues, após o desembarque em um aeroporto da Espanha.

>> Siga-nos no Google News e Concorra a um iPhone 10 – CLIQUE AQUI! e depois em SEGUIR⭐️

Com o avanço das investigações, pelo menos o que foi divulgado pela própria PF, cita que Manoel não agiu sozinho e que há fortes indícios de ligações com um traficante de Brasília.

É quase 100% de certeza de que este traficante com atuação nas cidades satélites de Brasília, está também envolvido em um esquema que pode envolver outro militar além do sargento.

A investigação vem apontando que Manoel era apenas o responsável por efetuar o transporte da droga, em um esquema que durou anos, sempre através dos aviões presidenciais.

Aviador do Brasil preso na Espanha com cocaína antes da parada do presidente.

O título conhecido no meio do tráfico é que o sargento seria “mula” no esquema. E a PF está bem convencida de que outro militar de alta patente pode ser um dos mandantes e comandantes no tráfico internacional.

Preso

Manoel continua preso após o caso envolvendo o avião da FAB. Ele ainda está em Sevilha na Espanha.

Most Popular Topics

Editor Picks