Bachelet está chocada com o tratamento dos EUA de imigrantes e refugiados 0 173

Bachelet está chocada com o tratamento dos EUA de imigrantes e refugiados 1

A Alta Comissária das Nações Unidas para os Direitos Humanos, Michelle Bachelet, disse na segunda-feira que está chocada com as condições em que os Estados Unidos mantêm imigrantes e refugiados detidos, incluindo crianças.

>> Siga-nos no Google News e Concorra a um iPhone 10 – CLIQUE AQUI! e depois em SEGUIR⭐️

Bachelet e as condições dos imigrantes nos EUA

“Como pediatra, mas também como mãe e ex-chefe de Estado, estou profundamente chocada por haver crianças forçadas a dormir no chão em instalações lotadas, sem acesso a cuidados de saúde adequados e com condições sanitárias precárias”, disse Bachelet em um comunicado. .

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, fez da linha dura da imigração um pilar fundamental de seu mandato e de sua plataforma para a reeleição em 2020.

Parlamentares democratas e ativistas dos direitos civis que visitaram centros de detenção de imigrantes ao longo da fronteira com o México descreveram condições adversas marcadas pela superpopulação e acesso inadequado a alimentos, água e outras necessidades básicas.

O inspetor geral do Departamento de Segurança Interna publicou na semana passada fotografias de centros de detenção de imigrantes no Texas lotados com o dobro de pessoas que podem acomodar.

“Na maioria desses casos, migrantes e refugiados embarcaram em perigosas viagens com seus filhos em busca de proteção e dignidade e longe da violência e da fome”, disse Bachelet.

“Quando eles finalmente acreditam que alcançaram a segurança, podem ser separados de seus entes queridos e trancados em condições indignas. Isso não deve acontecer em nenhum lugar ”, acrescentou ele.

Privar os adultos de sua liberdade deve ser a última opção e pelo menor período possível, com salvaguardas legais e sob condições que atendam aos padrões internacionais de direitos humanos, disse ele.

Ele também observou que a detenção de crianças, mesmo por curtos períodos de tempo e sob boas condições, pode ter um sério impacto em sua saúde e desenvolvimento, acrescentou.

“A gestão de fronteiras … não deve se basear em políticas limitadas destinadas apenas a detectar, parar e deportar migrantes irregulares rapidamente”, disse ele.

Previous ArticleNext Article
Graduada e Mestre em História. Faço parte da equipe de redação do portal TV É Brasil. Além de professora e historiadora, sou redatora web freelancer/autônoma. Uma verdadeira amante da cultura, arte e entretenimento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Hidroxicloroquina se esgota em farmácias pelo Brasil após fala de Trump 0 48

hidroxicloroquina se esgota nas farmacias para tratar coronavirus

Em seu último discurso desta quinta-feira (19/03), o presidente americano, Donald Trump, disse que remédios a base de Hidroxicloroquina, pode ter efeitos bem promissores no combate ao coronavírus. Somente este pronunciamento foi motivo para que a droga se esgotasse em farmácias pelo Brasil.

>> Siga-nos no Google News e Concorra a um iPhone 10 – CLIQUE AQUI! e depois em SEGUIR⭐️

A ANVISA já se pronunciou e disse que os remédios com esta composição contam com efeitos benéficos contra malária, reumatismo, inflamação nas articulações, lúpus e outros, mas nada conclusivo em relação ao COVID-19.

Diversos portadores destas outras enfermidades podem encontrar dificuldades para encontrar a medicação de agora pra frente. Muitas farmácias estão vendendo o medicamento mesmo sem receita ou prescrição médica. Ficando sem o medicamento, as doenças desta parte da população pode se agravar e eles podem ficar ainda mais em risco.

Japão mais próximo de lançar a vacina contra COVID-19 com base em FAVIPIRAVIR.

Há pessoas que vem fazendo apelos para que as farmácias não vendam sem receita médica, para que o medicamento não se torne escasso na grande maioria das regiões.

Porém a Hidroxicloroquina não exige receita para comprar e como é um remédio bem exclusivo, são poucas as caixas em estoque, o que leva ao esgotamento nas farmácias pelo Brasil.

Efeitos colaterais

O presidente americano só citou parte das informações sobre a cloroquina, mas não informou que há sim efeitos colaterais, principalmente na automedicação e que não há estudos para indicar em qual estágio do coronavírus o remédio teria algum efeito relevante.

A automedicação representa um grave risco para à saúde.

Estudos

No Brasil, Arthur Weintraub, acessor especial do presidente, disse que há um pequeno estudo sobre a droga, nada ainda conclusivo. A Cloroquina juntamente com a Azitromicina, um antibiótico, apresentou uma eficácia no tratamento segundo as primeiras avaliações.

Na França já realizaram um estudo clínico com essa combinação em 20 pacientes e realmente houve uma redução na carga viral dos enfermos, mas por ser um número pequeno de “cobaias”, a eficácia tem resultado limitado, não indicando a evolução clínica.

Mas no caso do estudo francês, o vírus desapareceu no período de 6 dias.

Até o momento o remédio com maior eficácia no tratamento é o Favipiravir, que foi desenvolvido no Japão e em um breve estudo, mostrou resultados significativos em 340 pacientes. A China deve em breve publicar um estudo detalhado do uso do favipiravir.

Espanha fecha praias e proíbe banhos de mar em tentativa de impedir surto 0 81

praias espanha fechada por surto de coronavirus

Para tentar impedir a propagação do coronavírus, a Espanha a partir deste sábado (14/03) determinou o fechamento de praticamente todas as suas praias, proibindo que cidadãos e turistas pratiquem o nado ou simplesmente fiquem na beira-mar.

>> Siga-nos no Google News e Concorra a um iPhone 10 – CLIQUE AQUI! e depois em SEGUIR⭐️

Diversas bandeiras vermelhas estão sendo espalhadas ao longo de toda a Costa del Sol, principalmente próximo a resorts conhecidos da região. Por conta da proibição de trabalho e da grande maioria estar em casa, as praias da Europa vinham sendo utilizadas constantemente pela população.

O governo espanhol declarou estado de emergência nesta última sexta-feira, onde o primeiro-ministro Pedro Sanchez informou que sacrifícios deverão ser feitos para conter o coronavírus.

Turismo espanhol

Málaga, uma das regiões que mais atrai turistas na Espanha, foi a primeira a fechar suas praias. Foram nove quilômetros de praias de Torrox a Nerja. Em Nerja, o prefeito José Alberto Armijo, além das praias, também proibiu o uso de jardins da cidade e também de parques.

A polícia foi convocada e está por toda a cidade para que as ordens da prefeitura sejam cumpridas.

policial expulsando cidadao da praia espanhola

A decisão foi publicada após a reunião extraordinária do Conselho de Administração da Junta de Andaluzia. Nele foi acordado a recomendação do fechamento de centros de lazer, lojas e locais públicos como jardins, parques e praias da região.

Uma das preocupações é que as crianças desrespeitem as regras já que as escolas foram fechadas. Todos os pais foram avisados sobre a proibição das praias e é preciso mantê-las dentro de casa caso isso seja necessário.

Recentemente o surto de coronavírus em Málaga contribuiu para duas mortes na região.

Calendário de pagamento do INSS sobre o adiantamento do 13º por Covid-19.

Medidas de emergência

Além de fechar as praias e parques, as medidas de emergência também incluem o fechamento de escolas, a desinfecção diária do transporte público e a suspensão de todos os eventos que possam aglomerar mais de mil pessoas.

A recomendação é que os cidadãos fiquem em casa, já que praticamente tudo está fechado.

Todas as praias ao longo da Costa Blanca, inclusive Benidorm estão fechadas. Os resorts da região devem intensificar o controle.

Most Popular Topics

Editor Picks