Skip to content

No Reino Unido, torres de tecnologia 5G são incendiadas por boatos sobre pandemia

6 de abril de 2020
torres 5g incendiadas teoria pandemia coronavirus

Apesar da preocupação hoje ser com relação ao número de infectados e o colapso na rede de saúde mundial, muitos países e pessoas estão “com um pé atrás” em relação a China sobre a pandemia que vem devastando cidadãos e economias pelo mundo.

E por esse fato, qualquer boato que surge em relação ao país asiático, já é motivo de histeria para aqueles que creem em teorias da conspiração.

A busca por um culpados e a disseminação de boatos, fizeram com que sete torres de tecnologia 5G, onde a China está na dianteira desta tecnologia, fossem completamente incendiadas na Inglaterra. Elas eram responsáveis pela transmissão de dados no país britânico.

Após Estados Unidos recusarem máscaras KN95 da China, país asiático fala sobre o caso.

Teoria

A teoria sobre a responsável pela pandemia de coronavírus ser a tecnologia 5G, ficou ainda mais em evidência sobre o fato da África não ter números significativos de Covid-19, justamente por não ter a tecnologia.

Desde quando essa teoria começou a tomar força, os bombeiros britânicos já atenderam chamados para conter incêndios em torres localizadas em Liverpool, Birmigham e Merseyside. Todas elas pertencem as empresas de tecnologia Vodafone e O2.

Michael Gove, ministro do gabinete britânico, disse que este boato é muito perigoso e não faz nenhum sentido. Ele pede que a população inglesa ajude a acabar com esse boato o mais breve possível, onde do contrário pode trazer sérios problemas.

Ataques

O governo da Inglaterra informou que além das torres, os engenheiros de telecomunicações vem sofrendo ameaças e são alvos de ataques verbais quando estão executando seus serviços.

O porta-voz do Departamento de Mídia e Tecnologia Digital do Reino Unido disse que os responsáveis serão investigados e devem enfrentar todo o rigor da lei.

5G em risco no Reino Unido

O problema é que muitas celebridades conhecidas entre os britânicos acabou comprando a ideia de que o 5G é responsável pela pandemia de coronavírus e de diversos outros problemas, como afetar o sistema imunológico humano.

Entre essas celebridades está o boxeador Amir Khan, que postou vídeos sobre a teoria em relação às torres 5G e também o australiano Jason Gardiner, que endossou a teoria em relação à baixa da imunidade por conta do impacto do 5G no ser humano.