Skip to content

Com PIX do BC, brasileiros poderão fazer saques em redes varejistas

22 de junho de 2020
com pix saque de dinheiro em lojas varejistas

Nesta segunda-feira (22/06) o presidente do Banco Central (BC), Roberto Campos Neto, fez o anúncio de algo no mínimo curioso. O cidadão brasileiro vai poder efetuar saques em dinheiro através das redes varejistas do Brasil.

A autorização monetária deve acontecer a partir do PIX, um programa de pagamentos instantâneos que está sendo desenvolvido pelo Banco Central e promete melhorar a forma de pagamentos existentes no país.

Segundo o presidente do BC, essa autorização irá acontecer ainda este ano, mas ainda está em etapa de desenvolvimento das regras para que tudo possa ocorrer bem durante a liberação.

As regras do saque em dinheiro na rede varejista deve ser anunciada no prazo de 60 dias, em meados de agosto de 2020.

Diminuição de custos e maior eficiência

Com essa facilidade o Banco Central pretende oferecer mais eficiência no varejo. Entre as vantagens está o cliente ir até o estabelecimento para realizar o saque e a possibilidade de adquirir algum produto.

Tudo vai depender do marketing do associado.

Para o BC essa opção de saque irá diminuir o custo logístico e também o custo operacional empregado na distribuição do dinheiro pelo país.

Hoje os saques podem ser feitos nos bancos, casas lotéricas e em caixas de auto atendimento. Com isso o acúmulo nestas opções é bem alto, onde o saque em estabelecimentos poderá inclusive diminuir a aglomeração de pessoas em tempos de isolamento social.

Pagamento digital pelo WhatsApp já é realidade no Brasil!

Pix

O Programa de pagamentos instantâneos (Pix), vai começar a funcionar a partir do próximo mês de novembro de 2020.

O PIX deve trazer mais conveniência para os consumidores e gerar mais oportunidades para os varejistas. Além disso diversas novas funcionalidades devem ser adicionadas aos que aderirem ao programa.