Nascidos em Dezembro podem sacar o abono do PIS a partir desta terça 0 143

pagamento pis nascidos em dezembro

A partir desta terça-feira (10/12) todos os trabalhadores da iniciativa privada que nasceram em dezembro e que possuem conta-corrente ou poupança na Caixa Econômica Federal, poderão desfrutar do abono salarial do PIS. O pagamento será feito de forma automática na conta do beneficiário.

>> Siga-nos no Google News e Concorra a um iPhone 10 – CLIQUE AQUI! e depois em SEGUIR⭐️

Já quem não possui conta na Caixa, mas nasceu em dezembro e tem direito ao PIS, poderá fazer o saque a partir da próxima quinta-feira (12/12).

Servidores públicos que recebem o abono do Pasep por outro lado, mesmo que nascidos em dezembro, devem receber seus valores através do Banco do Brasil, somente em janeiro de 2020.

Prêmio da Mega Sena pode ficar limitado em 2020.

Direito do PIS

Para poder receber até R$ 998 (um salário mínimo), será necessário ter registro com carteira assinada, por um período mínimo de cinco anos. Para receber este ano, é preciso também ter trabalhado por pelo menos 30 dias em 2018, onde o pagamento será proporcional ao número de meses trabalhados. Só irá receber o abono do PIS cheio, se tiver trabalhado os 12 meses em 2018.

Se você trabalhou, por exemplo, apenas dois meses com registro em 2018, seu direito será R$ 166,33. Basta dividir R$ 998 por 12 e multiplicar pelo número de meses trabalhados.

Consultando o direito ao PIS

Para saber se você tem direito ao saque do abono do PIS, é possível ter acesso as informações através do aplicativo Caixa Trabalhador, pelo telefone 0800-726-0207 ou no site www.caixa.gov.br/PIS. Em todos os casos esteja com o número do PIS em mãos.

Calendário de pagamento do PIS a partir de Dezembro

  • Nascidos em Dezembro = Correntistas a partir do dia 10/12/2019 e não correntista a partir do dia 12/12/2019;
  • Nascidos em Janeiro e Fevereiro = Correntistas a partir do dia 14/01/2020 e não correntista a partir do dia 16/01/2020;
  • Nascidos em Março e Abril = Correntistas a partir do dia 11/02/2020 e não correntista a partir do dia 13/01/2020;
  • Nascidos em Maio e Junho = Correntistas a partir do dia 17/03/2020 e não correntista a partir do dia 19/03/2020.
Previous ArticleNext Article
Jornalista pós-graduado em mídia e redes sociais e jornalismo com passagens pelo Portal R7, Jornal do Trem, Impacto Comunicação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pagamentos do Bolsa Família de novembro começa hoje 0 153

bolsa familia novembro 2019

Com confirmação do Ministério da Cidadania, os pagamentos do Bolsa Família referentes ao mês de novembro, começam nesta segunda-feira (18/11), a cerca de 12,7 milhões de famílias. O valor médio dos pagamentos é de R$ 191,08 por família.

>> Siga-nos no Google News e Concorra a um iPhone 10 – CLIQUE AQUI! e depois em SEGUIR⭐️

Os pagamentos dos benefícios do Programa Bolsa Família do mês de novembro começam a ser liberados a partir desta segunda. Os saques poderão ser feitos conforme o número de cadastro, que está disponível no cartão do programa. O mesmo deverá ser seguido conforme o Calendário de Pagamentos do Programa.

Os saques poderão ser feitos através das lotéricas e locais de pagamentos em todo o Brasil.

Famílias que tiveram seus benefícios bloqueados, cancelados ou suspensos, não devem conseguir efetuar o saque, até que a situação fique regularizada.

Bolivianos passam fome e enfrentam filas para conseguir comida no país.

Benefícios cancelados

Para novembro cerca de 298 mil famílias tiveram seus benefícios cancelados segundo o Ministério da Cidadania. Isso porque não atualizaram o cadastro dentro do prazo ou sua renda mensal ficou acima do limite máximo.

Cerca de 363 mil famílias tiveram o seu benefício bloqueado, principalmente com relação ao monitoramento de crianças e adolescentes, que devem seguir as regras básicas do programa, como a presença em sala de aula.

O Ministério ainda informou que cerca de 108 mil famílias tiveram seus benefícios suspensos por estarem recebendo simultaneamente com o Seguro Defesa ou por estarem descumprindo as condições gerais do programa.

O registro e avaliação do recurso no Sistema de Condicionalidades (Sicon), com relação ao descumprimento em novembro de 2019, irá até o próximo dia 31 de dezembro de 2019.

No próximo mês está previsto o pagamento do 13º do Bolsa Família.

Preço das apostas da Mega da Virada devem subir para R$ 4,50 0 214

Preço das apostas da Mega da Virada devem subir para R$ 4,50 3

A Mega Sena da Virada deve ter seu preço por aposta mínima elevado de R$ 3,50 para R$ 4,50 neste fim de ano. Os reajustes foram autorizados através da Portaria 8.061 do Ministério da Economia e foi publicado através do Diário Oficial da União no último dia 31 de outubro.

>> Siga-nos no Google News e Concorra a um iPhone 10 – CLIQUE AQUI! e depois em SEGUIR⭐️

Além do preço das apostas da Mega Sena/Mega Sena da Virada, subirem, o reajuste que começa a ser aplicado a partir do próximo dia 10 de novembro de 2019, deve atingir também outras 7 loterias da Caixa Econômica Federal.

A Dupla Sena e a Loto Fácil, devem subir R$ 0,50 na aposta mínima. Hoje ambas custam R$ 2 e devem se igualar ao preço da Lotomania, que é de R$ 2,50.

A aposta mínima da Quinta também irá subir cinquenta centavos, indo dos atuais R$ 1,50 para R$ 2.

Duas apostas podem sofrer mais de uma alteração. A Lotogol e Loteca devem ter a sua aposta simples elevada para R$ 1,50, mas no caso da Loteca ainda será estudado a exigência de uma aposta múltipla mínima obrigatória, onde o mínimo deverão ser duas apostas, custando R$ 3.

Bancos terão 30 dias para encerrar contas de clientes insatisfeitos.

A aposta única da Timemania também deve subrir e vai de R$ 2 para R$ 3 já a partir desta próxima segunda-feira, dia 11 de novembro.

Mega da Virada

As mudanças pegaram muitos de surpresa, que já planejavam seus bolões para a Mega da Virada deste ano.

Apesar do aumento do valor das apostas, a Caixa Econômica Federal também informou que os prêmios devem por consequência também serem aumentados. Devemos ter um recorde nesta mega 2020.

A partir do próximo ano os ajustes dos preços das apostas poderão ser feitos com base na inflação acumulada ao longo dos 12 meses.

 

Most Popular Topics

Editor Picks