pagamento 13 salario inss calendario adiantamento covid 19

Calendário de pagamento do INSS sobre o adiantamento do 13º por Covid-19

Na noite desta quinta-feira (12/03) o governo federal através do Ministério da Economia anunciou que fará o adiantamento da primeira parcela do 13º salário à aposentados e pensionistas já em abril (fim de março/início de abril). O critério foi a faixa de vulnerabilidade desta parcela da população.

Esta é uma das primeiras medidas para enfrentar os efeitos econômicos que a pandemia de coronavírus vem causando no mundo e impactando diretamente o Brasil através principalmente da alta exagerada do dólar.

Há também a informação de que haverá a criação de um grupo de monitoramento com os principais assessores de Paulo Guedes, para estudar medidas que possam contribuir para a economia e o bem estar da população brasileira.

FMI recomenda isenção de impostos por conta de coronavírus.

Novo calendário de pagamento do décimo terceiro do INSS

Por conta do Covid-19, a primeira parcela do 13º salário pago à aposentados e pensionistas, será adiantada. Normalmente o pagamento é feito no final de agosto e início de setembro conforme o número do NIS. A equipe econômica definiu que os depósitos serão feitos no fim de março e início de abril conforme o calendário.

Isso irá injetar R$ 23 bilhões na economia.

Confira as datas de pagamentos do INSS com a primeira parcela do décimo terceiro:

Calendário para quem ganha até 1 salário mínimo

  • 24/04/2020 (NIS de final 1);
  • 27/04/2020 (NIS de final 2);
  • 28/04/2020 (NIS de final 3);
  • 29/04/2020 (NIS de final 4);
  • 30/04/2020 (NIS de final 5);
  • 04/05/2020 (NIS de final 6);
  • 05/05/2020 (NIS de final 7);
  • 06/05/2020 (NIS de final 8);
  • 07/05/2020 (NIS de final 9);
  • 08/05/2020 (NIS de final 0).

Novo calendário para quem ganha acima de um salário mínimo (R$ 1.045)

  • 01/04/2020 (NIS de final 1 ou 6);
  • 02/04/2020 (NIS de final 2 ou 7);
  • 03/04/2020 (NIS de final 3 ou 8);
  • 06/04/2020 (NIS de final 4 ou 9);
  • 07/04/2020 (NIS de final 5 ou 0).

O pagamento será feito conforme era até 2019, sendo esta a primeira parcela e a segunda ficando para dezembro de 2020. Em agosto/setembro não haverá parcela do 13º, mas o governo estuda outras medidas para ajudar a economia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *