Skip to content

Por que sua caixa de som faz toda diferença na música que você ouve

26 de setembro de 2019

“A música é o vínculo que une a vida do espírito à vida dos sentidos. A melodia é a vida sensível da poesia”, escreveu o célebre compositor alemão Ludwig van Beethoven. E a música cumpre um papel fundamental nas nossas vidas, seja nos momentos mais felizes, com amigos ou numa festa, para dar aquele “gás” no treino, ou ainda nos momentos mais melancólicos e de reflexão. 

Além disso, a tecnologia mudou nossa forma de ouvir música, principalmente com a popularização dos serviços de streamings, que nos permitem ouvir uma infinidade de músicas, além de compartilhar os sons preferidos em diversas plataformas e redes sociais na internet. 

Se antigamente você precisava esperar seu artista preferido lançar um álbum e comprar um CD para reproduzir em aparelhos específicos e instalados em lugares fixos como a sala de estar, atualmente é possível ouvir música em qualquer lugar. Isso também mudou a vida dos artistas, que podem compartilhar novos trabalhos em diversas mídias. 

Mas você sabia que sua caixa de som faz toda a diferença na música que você ouve? Confira algumas informações e saiba o que muda na música dependendo da caixa de som em que é reproduzida. 

Caixas de som ativas e passivas 

As caixas de som podem ser diferenciadas entre ativas e passivas. As passivas são chamadas assim porque geralmente não tem um amplificador embutido. Por isso elas precisam de um amplificador independente como um notebook, por exemplo. Outra característica que as diferenciam é que elas não precisam de alimentação de energia externa. 

Uma boa dica para quem curte experiências sonoras interessantes, é investir nas caixas de som Edifier, que contam com uma tecnologia capaz de equilibrar agudos, médios e graves em cada batida sonora. 

Já as caixas de som ativas são aquelas que contam com amplificador embutido e são capazes de modular a reprodução de som, funcionando sozinhas e, geralmente, ligadas diretamente na tomada. 

Diferentes construções para diferentes sons! 

A forma como caixa de som é construída interfere na qualidade sonora e a experiência na hora de ouvir determinada música. Algumas marcas priorizam graves mais avantajados, focando no som dos woofers (baixas frequências) sobre os tweeters (altas frequências). A construção do produto é um dos fatores que mais influenciam no som fornecido. 

Já o perfil sonoro também pode variar para atender públicos de diferentes preferências e isso pode ser atualizado, muitas vezes, na própria configuração da caixa de som. Caso você tenha preferência pelos graves em um som e o seu aparelho é mais balanceado, é possível alterar esse perfil sonoro nas preferências do seu aparelho. Vale saber se essa opção está disponível ao adquirir o produto. 

Descubra as suas preferências! 

Mesmo que você não seja um grande entendedor do universo sonoro, prestar atenção em quais sons você curte e o que mais lhe chama a atenção pode ser um ótimo começo. Pedir dicas de conhecidos com gostos parecidos com os seus ou pesquisar reviews na internet são boas dicas para fazer a escolha certa.